sexta-feira, 9 de maio de 2008

O lado escondido de Manuela

Já sabia que depois de ter aclarado o cabelo, surgiriam declarações a falar da “doçura” de Manuela Ferreira Leite. E eu aconselharia o mesmo e também a falar um pouco de política internacional e, sobretudo, de áreas sociais da governação. Para reforço dessa doçura.
Hoje, num dos melhores gratuitos, o “Sexta”, Bagão Félix faz manchete com esta frase: «Manuela Ferreira Leite é mais doce do que se pensa». Fantástico.
E ainda aconselharia mais uma hipótese. Há anos que a Helena Sacadura Cabral me diz que a «Manuela tem um sentido de humor notável». Se conseguirem que ela reproduza isso, ainda mais fantástico.
Se seguir a fórmula da campanha presidencial de Cavaco, e tirar fotos com os netos, como avó babada, na primeira página do Expresso, como fez o seu mentor, então está o tridente da doçura atingido.
Porque apoios nos jornais vêem-se claramente (Expresso, Público, Diário Económico), a maior quantidade de barões por metro quadrado da campanha ajudam a ter espaços de opinião, o que lhe dá uma aparente força e dinâmica na luta.
Mas falta conquistar as bases. E quanto mais entrevistas, e aparições, de Pacheco Pereira surgirem, pior será.

1 comentário:

Fernando Barros disse...

Não sugeriria que Manuel Ferreira Leite tirasse fotos com os netos, como fez Cavaco. Cavaco candidatou-se a PR e MFL candidata-se, primeiro, a líder do PSD e depois, se vencer, a PM, tudo cargos e situações distintas das de Cavaco. Pelo que MFL terá transmitir uma afinidade diferente da do actual PR, devido às diferentes dinâmicas dos cargos.

Fernando Barros